/> Πρωτεύς: Dezembro 2010

13 de dezembro de 2010

Poética XIII

Eliot: "It is a test (a positive test, I do not assert that it is always valid negatively), that genuine poetry can communicate before it is understood"


Baudelaire : “Il y a quelque gloire à n’être pas compris.”

4 de dezembro de 2010

Current 93 - All the pretty little horses





All the Pretty Little Horses é uma canção popular afro-americana aqui interpretada duplamente pelo Current 93 no álbum homônimo de 1995/96 (faixas 2 e 12).Tal canção que já contava com inúmeras interpretações (Odetta, Barbara Dickson, Judy Collins, etc) ganha aqui contornos sacrílegos pelo modo como Tibet a fez capitanear seu álbum. Nele, sua interpretação própria (faixa 2), como um prolongado sussurro, contrásta com a gravidade melancólica da voz de Nick Cave (faixa 12), convidado a participar do projeto. Que pode querer isso dizer? Que quer dizer esse jogo de extremos-irmãos entre o macabro e o sombrio?

***




Para adensar mais ainda o mistério que ronda essa segunda parte da trilogia Inmost Light, a capa do álbum traz um dos quadros da polêmica série "Gypsy Boys" de Amadio Bragolin, pintor maldito do último século, ora acusado de ter feito um pacto com o demônio, ora suspeito de molestar os supostos modelos de seus quadros. Aliás, a esse respeito, muitos já julgaram encontrar "mensagens subliminares" em tais quadros, principalmente neste escolhido para capa do álbum. A tese fundamental que permeia essa "teoria" é a de que a expressão facial, a posição dos corpos e de seus membros, certas formas e contornos (especificamente neste julga-se ver desenhar uma mão em volta ao pescoço da menina), indicariam que tais crianças estariam mortas. É claro que não estão explicitamente mortas (no presente caso a menina está a chorar), mas estariam quer implicitamente numa condição de semi-morte ou em viás disso. Outra hipótese que se coaduna com os traços ambíguos desse qudro é que a personagem estaria a sofrer algum tipo de violência cujo desfecho não podemos conhecer.



***

Hush-a-bye, don't you cry,
Go to sleepy little baby.
When you wake, you shall have,
All the pretty little horses.
Blacks and bays, dapples and greys,
Go to sleepy you little baby,
Hush-a-bye, don't you cry,
Go to sleepy little baby.
Hush-a-bye, don't you cry,
Go to sleepy little baby,
When you wake, you shall have,
All the pretty little horses.
Way down yonder, down in the meadow,
There's a poor wee little lamby.
The bees and the butterflies pickin' at its eyes,
The poor wee thing cried for her mammy.
Hush-a-bye, don't you cry,
Go to sleepy little baby.
When you wake, you shall have,
All the pretty little horses.
***